Verdadeiro labirinto no coração de Paris subterrâneo, as Catacumbas foram instaladas nas galerias de antigas pedreiras. A vinte metros abaixo de terra, ao longo de um emaranhado de galerias, o visitante descobre ossuário que reúne os restos mortais de vários milhões de Parisienses ao longo do encerramento dos cemitérios de Paris. Aberto ao público desde 1809, este local único restitui a história dos Parisienses e convida a uma viagem para lá do tempo. 

Adquirir o bilhete

Planeie a sua viagem com toda a tranquilidade!
Reserve online o seu bilhete em livre-trânsito para reduzir o tempo de espera e beneficie de um áudio-guia:

Bilheteira online

Livre-trânsito preço de balcão com áudio-guia: 29 € Tarifário livre-trânsito, jovens dos 4 aos 17 anos sem áudio-guia: 5 €

Informações práticas

Horas de abertura

Diariamente das 10:00 hrs às 20:30 hrs, exceto segunda-feira e alguns dias feriados. Última entrada às 19:30 hrs.

Condições de visita e acessibilidade

Percurso de 1,5 km
Duração da visita: 45 minutos
Temperatura: 14 °C
Mais de 100 degraus para descer e para subir

As Catacumbas de Paris não estão acessíveis a pessoas em cadeiras de rodas ou que se desloquem com andarilho devido a determinadas restrições subterrâneas do local. 
A visita é totalmente desaconselhada: 

  • a pessoas com mobilidade reduzida,
  • a pessoas  que sofram de insuficiência cardíaca ou respiratória,
  • às senhoras grávidas,
  • às pessoas sensíveis ou claustrofóbicas,
  • a crianças pequenas (menos de 10 anos). As crianças com menos de 14 anos de idade têm de estar acompanhadas por um adulto.

 

Número de visitantes limitado a 200 no local: em caso de grande afluência, as entradas podem ser interrompidas momentaneamente.

 

Filmes e fotografias

Fotografias sem flash nem tripé, para utilização estritamente privada, são autorizadas no local.

Visitas-conferências e visitas em grupo

Semanalmente são propostas visitas guiadas em francês e em inglês por conferencistas do museu. As visitas de grupos apenas são autorizadas mediante reserva.

photo

Para ler antes de chegar

As Catacumbas de Paris são um local único no mundo. Para que a sua visita decorra da melhor maneira, siga as indicações de utilização.
 

Fila de espera

Venha cheio de paciência!

Por razões de conservação e segurança do local, o número de visitantes em simultâneo está limitado a um máximo de 200. No caso de forte afluência, a fila de espera pode ser bastante grande e as entradas podem ser interrompidas momentaneamente. 
Se puder, escolha uma visita fora dos períodos das férias escolares.
 

Bilheteira online


Acessibilidade

Visita desaconselhada

As Catacumbas de Paris não estão acessíveis a pessoas em cadeiras de rodas ou que se desloquem com andarilho devido a determinadas restrições subterrâneas do local. 
A visita é totalmente desaconselhada: 

  • a pessoas com mobilidade reduzida,
  • a pessoas  que sofram de insuficiência cardíaca ou respiratória,
  • às senhoras grávidas,
  • às pessoas sensíveis ou claustrofóbicas,
  • a crianças pequenas (menos de 10 anos).

As crianças com menos de 14 anos de idade têm de estar acompanhadas por um adulto.
 


Degraus

Nas profundezas de Paris

As Catacumbas de Paris, trata-se de 131 degraus para descer e 112 degraus para subir. As catacumbas encontram-se a 20 metros abaixo de terra. O acesso é feito apenas por escadas.


Duração da visita

1 h exata!

Para o percurso de 1,5 km, conte com 1 hora de visita.


Temperatura

Fresco, mesmo no verão!

A temperatura média é de 14 °C e a taxa de humidade pode ser elevada. 


Como vestir-se?

Nem muito nem pouco

Então, as botas podem ficar em casa, mas calce sapatos sem tacão, será melhor! 
Por outro lado, mesmo no inverno a espera à entrada pode ser demorada. Assim, não hesite em estar preparado com um agasalho.


E se tiver um saco grande comigo?

As malas e os sacos grandes são proibidos

Por razões de segurança e de conservação do ossuário, é proibido entrar nas Catacumbas com uma mala ou um saco grande. Apenas são permitidos sacos de 40x30 cm. Devem ser transportados na frente ou na mão.   
Agradecemos que esteja tento.
Não há vestiário porque a saída é no n.º 21bis, avenue René-Coty, a cerca de 700 metros do pavilhão da entrada.
As casas de banho são na saída.


Fotografias

Não passa sem o seu flash, abstenha-se!

As fotografias a título particular são autorizadas, desde que não use flash, tripé ou material volumoso que possa incomodar os outros visitantes.


Grupo

Venha em grupo, mas antecipe!

Se vier em grupo, é obrigatória a reserva de um espaço horário na nossa bilheteira online. Para uma visita guiada por um dos nossos conferencistas, contacte-nos.


Proibições

algum respeito nunca fez mal a ninguém!

Por questões de conservação do local, é proibido beber ou comer durante o percurso da visita e os animais não são admitidos.

E naturalmente, é proibido tocar nas ossadas, que são os restos mortais frágeis de milhões de Parisienses.

As Catacumbas: o que é?

As Catacumbas e a sua história

O ossuário denominado “Catacumbas” foi criado no fim do séc. XVIII nas pedreiras subterrâneas desativadas do séc. XV, no local denominado “Tombe-Issoire”. As primeiras ossadas transferidas para aqui provêm do cemitério dos Santos Inocentes, em Halles, na altura o mais importante de Paris. Este, foi encerrado em 1780, a pedido da municipalidade, por razões de salubridade pública. O serviço das pedreiras criado por decreto do Conselho real a 4 de abril de 1777 para proteção e consolidação do subsolo parisiense, é responsável pela seleção e gestão deste local para o ossuário. Progressivamente, estas antigas pedreiras de calcário irão receber as ossadas de todos os cemitérios do centro de Paris, nomeadamente aquando das obras de urbanismo efetuadas pelo Presidente da Câmara Haussmann, até 1860. Desde o início do séc. XIX, as Catacumbas estão acessíveis ao público e suscitam uma vaga de curiosidade que atrai um número cada vez maior de visitantes.

O subsolo geológico de Paris

Entre o nível das ruas e o das Catacumbas, o visitante recua no tempo e percorre cerca de 45 milhões de anos. Atravessa uma sucessão de camadas rochosas até chegar a um banco de calcário que corresponde a um período geológico denominado ”Luteciano”. Este período que foi exatamente identificado nas Catacumbas, e mantém a denominação do nome romano de Paris, Lutécia. Os calcários do Luteciano fornecem uma pedra de corte de grande qualidade, comumente denominada “pedra de Paris”. Conforme se pode ver no mapa abaixo, as zonas de pedreiras subterrâneas estão distribuídas conforme o afloramento das camadas geológicas: o gesso de Paris é utilizado para o fabrico de gesso, os calcários, para talhe de pedras de construção e o giz entra na composição dos rebocos.